domingo, 26 de julho de 2009

Arte: Damien Deroubaix


Em uma das minhas viagens a São Paulo, visitamos o MASP (Museu de Arte de São Paulo) e fomos na exposição “O Realismo - Arte Na França” onde havia obras de artistas consagrados como Picasso, Monet e entre outros. Fui apresentada através de um painel de quase 3 metros de altura ("REVELATIONS" - foto acima) a estranha e fascinante (pelo menos para mim) arte de Damien Deroubaix. Um artista contemporâneo francês, que pode-se dizer que é o mais alemão dos pintores franceses, pois uma parte substancial das suas palavras, imagens e dados é relacionados à cultura alemã.

Mulheres semi-nuas com braços e pernas mutiladas usando máscaras de couro ou látex com longas agulhas presas. Lâmpadas penduradas em morcegos. Gatos enforcados. Caracteres do Ku Klux Klan. Caveiras. Cabeças presas em espetos. Vacas mortas. Ossos de macacos pendurados. Demônios. Crânios de bode. Tubarões. Fetos. Caveiras com asas. Resumindo: Violência, crueldade e humor negro.
Isso são só algumas das coisas macabras que aparece em suas obras.

Nascido na França em 1972 e vivendo atualmente Berlin, Deroubaix é obcecado por Dada e John Heartfield. Pinta sobre o papel há quase dez anos e sempre evoluindo nos tamanhos de seus formatos. Suas grandes pinturas são composições mais complexas (o artista gradualmente deixa de lado uma certa simetria que era a sua "marca") e que desempenha agora, com uma profundidade de campo onde as perspectivas e os relatórios do tamanho dos elementos constituem o cerne da composição.

A complexa perfeição de suas obras é a reconstrução de seu estranho universo. E que universo estranho é esse?

Links:
http://www.artnews.org/damienderoubaix/?s=2

http://www.nosbaumreding.lu/site/index.php?s=10&a=4

http://www.insituparis.fr/12-0-damien-deroubaix.html

Nenhum comentário:

Postar um comentário

  ©Template by Dicas Blogger.

TOPO